quinta-feira, 25 de setembro de 2008

matéria escura


2 comentários:

disse...

voltei aqui para ver esta pintura várias vezes, achei incrível esta sua matéria escura, esta sua não matéria!
incrível a luz e a sombra deste escuro!
e o buraco branco que emana luz!
ah, adorei isso!

Beá Meira disse...

Bê,

Eu fiquei pensando num universo no avesso. Fotografei com o naquim ainda molhado por isso este brilho no preto. O preto fosco é a verdadeira ausência. Este que brilha só pode ser matéria, ou a possibilidade dela. Ou ainda o espaço sendo aferido pela luz.